...por ela VII...

sexta-feira, 6 de maio de 2011
§*§
Como formigas que caminham,
a direção que o vento sopra
ele não te encontra.
O bailar de suas asas
não consegue alcança-lo.
Bota mais brilho, chama sem medo.
Não há mais segredo.
§*§
JJr.

*
Pérola dourada,
belo cisne de asas.
Visão agraciada.
Cadente ao céu,
ao passear
Banhada ao  mar.
*
JJr.


§*§
Venha com seu melhor abraço
para me perder em seus laços.
Um belo labirinto
sem saída.
Que sejas sempre  caminho para meus passos.
§*§
JJr.

*
As linhas de seu sorriso
escritas em meus lábios.
Continuo parágrafo.
Seus braços abraços
perfumados laços.
*
JJr.

1 comentários:

  1. Be Lins disse...:

    Achei tão lindo esse poema. Já li algumas vezes. Estou pensando em postar no meu blog, se vc não se importar.

    Boa Noite!