...por ela XII...

sexta-feira, 21 de outubro de 2011
§§§
Tua chuva
serenar beijos ao meu corpo.
Meu calor Sol
aquecer pele e pelos
arrepios e desejos.
A natureza a nós a sóis.
§§§
JJr.

*§*
Teu portão
meu porto
ancorar.
Hastear vela
aromas do mar.
Saliva das ondas
cordas, mastro e timão.
Ponto no mapa
certa rota és.
*§*
JJr.

*
Teu corpo caju
da pele o sumo provar.
Castanha em chamas
desejo.
Doce suco teu sabor
minhas mãos e lábios,
molhadas,
lambuzar doces teus.
Gostos meus a sentir.
*
JJr.

3 comentários:

  1. Be Lins disse...:

    Certamente
    por aqui,
    tem-se deixado a chuva molhar,

    tudo exala frescor,
    e maresia amorosa.

    Demais!

  1. Os dois poemas mais bonitos que eu já li, sinceramente. Merece dois comentários. Bjs!