...ReCitando XXI...

quarta-feira, 22 de julho de 2015
~§~
O vento vem.
Bem vindo!
Traga-me teus ares
de outros lugares!
...
Até posso sentir,
cheiro de areia,
o cheiro da areia pura,
branca e fina.
...
Dos lugares
por onde viajardes
traga-me más!
Sim!
traga-me o mar
a chama, a maresia
e por teus lugares
que me traguem as ondas.
...
A brisa,
essa que me vens
estrelas e luas,
a poeira lunar
o que me trazes?
Náufragos.
Navios.
Naufrágios?
Um Sol
a brilhar
tantas paisagens
em um só lugar.
...
O aroma de canteiros.
São tantas,
o cheiro das cores e flores.
São estes
os aromas,
estes que adivinho
suave,
suavemente.
...
Amores antigos...
corações pulsantes...
...
E por tudo que me trazes
até posso viajar,
é o tempo
em teu abraço
este sopro
o momento.
Ó vento...
~§~
JJr.